Contos,Crônicas e Poemas de Ed.
Literatura, a arte que liga as pessoas o mais distante que elas estejam.
CapaCapa TextosTextos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda PrêmiosPrêmios Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos

Os 10 Mandamentos
           Um certo  homem separou aquele dia para santificar. Lembrava-se do mandamento de Deus que impôs: "Seis dias de trabalho para a realização de toda a tua obra, mas que o sétimo dia seria do Senhor teu Deus". Vestiu o melhor dos seus trajes e partiu com a sua senhora para visitar uma igreja no município vizinho. Entrou e sentou-se próximo a porta de saída, o único lugar disponível.
           Era um domingo quente de calor e de adoração, o estilo rococó das músicas o estimulava a bater o seu pé direito marcando os compassos, estava preparado para ouvir a pregação e se encher da unção do espírito. A palavra seria ouvida sem o acompanhamento das escrituras e quando o pregador começou a sua retórica mensagem, bíblias foram oferecidas pelos irmãos e com respeito e educação foi aceita a mais próxima de suas mãos.
            Iniciou-se a mensagem e o casal recebia o sermão como um filho aceita os conselhos do pai. Concentrados, o homem e sua esposa faziam petições de livramentos para os seus e pediam perdão aos malfeitores. Durante a pregação ouviam-se alguns gritos de línguas misteriosas e aplausos exagerados, mas o foco era Deus e nada poderia descentralizar aqueles que tinham como único objetivo: a misericórdia.
Ao final da liturgia, uma assembleia de homens de ternos marchou em direção aquele homem de dois metros de altura, aparência cansada, olhar sereno e rosto queimado pelo suor da batalha. O carregaram pelo corredor ornamentado de olhares censores. Só lhe restava então deixar-se ser conduzido para frente do púlpito onde clamores e pedidos de perdão eram destinados aos céus para que pudesse ser salva aquela criatura pecadora. Várias mãos da vozes estrangeiras alcançavam a sua cabeça e uma pergunta foi feita ao silêncio de todo o santuário:
- O senhor quer aceitar Jesus?
E o homem virou-se para todos e respondeu:
- Eu sou cristão.
Os dez mandamentos foram obedecidos:
Ele não roubou, não matou, não cobiçou a mulher do próximo, não adorou imagens, não tomou o nome de Deus em vão, foi fiel ao Senhor, honrou aos seus pais, não adulterou, não deu falso testemunho e separou aquele dia tão especial para santificar e dedicá-lo ao criador do mundo.

"Não julguem apenas pela aparência, mas façam julgamentos justos".
João 7:24".


Ed Ramos
Enviado por Ed Ramos em 01/05/2018


Comentários